13º BPM

Polícia Militar de Santa Catarina

13º BPM: PM prende por receptação, em Pouso Redondo

Um homem de 34 anos foi preso na tarde de ontem pela Agência de Inteligência da Polícia Militar, por receptar um veículo com registro de furto/roubo. A prisão aconteceu na cidade de Pouso Redondo.

A Agência de Inteligência do 13º Batalhão de Polícia Militar de Rio do Sul recebeu a informação da PM de Indaial, dando conta de que um homem, já conhecido no meio policial pelo cometimento de vários delitos, havia encaminhado uma mercadoria suspeita a um destinatário de Pouso Redondo, via empresa de ônibus.

De posse da informação, uma guarnição da referida agência deslocou até a rodoviária de Pouso Redondo e conversou com um funcionário da empresa, que confirmou haver um pacote aguardando para ser retirado.

Os policiais esperaram por cerca de três horas até a chegada do receptor. Assim que retirou a embalagem, foi abordado pelos policiais e entregou o envelope, que continha o certificado de registro e licenciamento de veículo (CRLV) de um veículo Citroen C4, que estava estacionado no local.

f0bd07d0-543b-4a82-b9c2-5e01a55cd4d5

Questionado, o homem afirmou ter adquirido o veículo por R$ 18 mil através de um grupo de vendas no facebook. Afirmou, ainda, se tratar de um veículo bruxo, ou seja, financiado, mas que não estava sendo pago. Que pelo facebook, também, encontrou um fornecedor de documento falso, onde realizou a encomenda do CRLV pelo valor de R$ 500 reais.

O número do chassi do veículo correspondia ao número documentado, porém, através do número do motor foi constatado que se tratava de um veículo com registro de furto/roubo no Estado do Rio Grande do Sul.

dce8224b-9d1d-4b8e-8250-933fa03f925cf7c4c0ec-920c-4e7b-94f8-7937eea8514a

Diante dos fatos, o homem foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Pouso Redondo. O veículo foi apreendido e passará por perícia e a situação será investigada, para identificação dos demais criminosos.

(divulgação: Agência de Inteligência/13º BPM)

Comentários desabilitados.